Entre em contato com a nossa equipe!

Apoiadores e colaboradores

Nos acompanhe:

  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Instagram

Grupo de Pesquisa integrado ao Laboratório de Políticas de Comunicação da Faculdade de Comunicação da Universidade de Brasília.

A violência online de gênero tem sido tema recorrente na agenda pública, tendo em vista as especificidades que envolvem sua prática. Trata-se de violência simbólica cometida contra mulheres e meninas nos diversos espaços que a Internet oferece, tais como mídias sociais, aplicativos de bate-papo, blogs e outros. No projeto “Escola de Apps: Enfrentando a Violência Online contra Meninas”, estudantes e pesquisadorxs irão investigar as características dessa violência, sua recorrência, sua tipologia, bem como as consequências para as vítimas, sugerindo soluções para essa questão.

Serão realizados: Observatório de Mídia sobre Violência Online; Observatório de Políticas Públicas; Entrevistas em Profundidade com Professorxs de Escolas do DF; e Grupos Focais com meninas do ensino médio. Em seguida, as meninas participantes serão treinadas para desenvolverem aplicativos (apps) que busquem combater os diferentes tipos de violência que elas próprias identificaram, empoderando-as tecnologicamente e dando-lhes oportunidade de seguirem carreira na área de tecnologia da informação.

A proposta é uma iniciativa do Laboratório de Políticas de Comunicação - LapCom, do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Comunicação da Universidade de Brasília (UnB) em parceria com a Universidade Católica de Brasília (UCB); Instituto Federal de Brasília (IFB); Secretaria da Mulher da Câmara dos Deputados; Comissão Parlamentar Mista de Enfrentamento à Violência contra a Mulher do Congresso Nacional; e a Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF).  

Se você é estudante da UCB e tem interesse em participar, envie e-mail para internetedireitoshumanos@gmail.com com seu nome, telefone e curso.

Pesquisadorxs investigarão violência cometida contra meninas na Internet